Guia irationline.com.br - Descubra os melhores locais de Irati.

 

ALVORADA CONTABILIDADE - ESCRITÓRIO CONTÁBIL

 

Irati Auto-Center

 

STASIL IMPLEMENTOS

 

TRC SUSTENTÁVEL CAMPOS GERAIS

 

Sabor e Saúde Produtos Naturais

 

Malik Jóias

 

 

 

Vacina da febre amarela principais efeitos adversos

 

Petrópolis recebeu 50 mil doses de vacina contra a febre amarela nesta quinta-feira

Publicado em 22/01/2018

 

Milhares de pessoas – dentre as quais idosos e crianças pequenas – chegam de madrugada para pegar uma senha e um lugar nas filas intermináveis para receber a vacina da febre amarela. Ficam horas sem ir ao banheiro, protegendo-se como podem do Sol ou da chuva, alguns sentados em banquinhos improvisados, esperando a sua vez de levar a picada da agulha que protege contra a picada do mosquito contaminado. A febre amarela pode matar. Aproximadamente 15% das pessoas acometidas desenvolve quadros graves. Nestes, a letalidade pode chegar a 50%. Não dá para ignorar. A vacina é mesmo necessária nas áreas consideradas de risco. No Brasil, a área de risco está aumentando. Recentemente a Organização Mundial de Saúde considerou todo o Estado de São Paulo como área de risco. Poucas são as regiões deste país onde não há risco. Não há dúvida de que a vacinação – que garante 98% de proteção - é importante e necessária. Tudo certo. Porém, a vacina também pode dar efeitos adversos, que vão desde dor no local da aplicação, febre, mal-estar, dor de cabeça ou dor no corpo até reações mais graves e fatais.

Importante saber que as reações mais graves são raras. Estudos apontam a possibilidade de uma reação grave a cada 500.000 vacinados. Acredita-se que desde outubro de 2017 aproximadamente 1,8 milhão de pessoas na cidade de São Paulo receberam a vacina. Neste período houve 2 óbitos atribuídos à vacina, o que significa 1 reação grave para cada 900.000 pessoas.
Até a semana passada 3 pessoas no Estado morreram em consequência de reação à vacina: 2 pessoas na capital e uma pessoa em Matão, na região de São José do Rio Preto. Trata-se de uma vacina feita com o próprio vírus da febre amarela vivo e atenuado. Por isso, em algumas pessoas a vacina pode causar a forma grave da doença, chamada de Doença Viscerotrópica Aguda (DVA).
A DVA pode ter início de 1 a 15 dias após a vacinação contra a febre amarela. O sintomas iniciais são náuseas, vômitos, cansaço, fadiga, mal estar, dificuldade para respirar, dor de cabeça e dor muscular que podem evoluir para queda de pressão, icterícia ( amarelo nos olhos e no corpo) e sinais de sangramento ou hemorragias com insuficiências hepática e renal. Este quadro é extremamente grave e pode evoluir para o óbito.

A DVA pode ocorrer em qualquer pessoa, mas os grupos de risco para a vacina seriam mais susceptíveis. Por isso a vacina deve ser aplicada com indicação e critério nas gestantes, idosos e pessoas com doenças que cursem com imunodepressão. Crianças com menos de 6 meses de idade NÃO devem receber a vacina por risco de acometimento do sistema neurológico. A vacina é importantíssima e protege a imensa maioria da população de uma doença potencialmente grave e fatal como a febre amarela. No entanto, é importante seguir corretamente as orientações das autoridades de saúde em relação aos grupos de risco para minimizarmos, sempre que possível, os seus efeitos adversos.


Crédito: Ascom/PMP

Fonte: http://g1.globo.com/bemestar/blog/doutora-ana-responde/post/vacina-da-febre-amarela-principais-efeitos-adversos.html

 


ÚLTIMAS NOTÍCIAS

 

Ponte sobre o Rio Guamirim está liberada ao tráfego

 

A Secretaria de Serviços Rurais liberou ao tráfego de veículos, no dia de hoje (16), a nova ponte sobre o Rio Guamirim. No final do mês passado, a estrada que liga o Distrito de Guamirim à localidade de Pirapó precisou ser interdit...

 

Pubicada em: 16/10/2018

Prefeito Derbli se licenciará e vice Komnitski assumirá por 30 dias

 

A partir da próxima segunda-feira, dia 15, o prefeito Jorge Derbli, autorizado pelo Poder Legislativo, irá licenciar-se para tratar de assuntos particulares. O prazo da licença se estenderá até 13 de novembro. Durante este período,...

 

Pubicada em: 15/10/2018

Novo ônibus irá atender cerca de 900 pacientes por mês em Irati

 

No último dia 09, aconteceu a entrega oficial do primeiro de dois novos ônibus que irão atuar no transporte de pacientes do município para outros centros. O veículo, ano 2018, foi adquirido com recursos do Governo do Estado, atravé...

 

Pubicada em: 15/10/2018

 

Copyright © 2015 powered by Portal irationline - Todos os direitos reservados.